12 Comentários:

silvia rendeiro disse...

Restaurante D. Duarte 2.
Excelente comida, excelente atendimento excelentes sobremesas.
O arroz de marisco é divino e muito bem servido e para sobremesa, um crepe não sei das quantas (esqueci o nome:))é divino.
Próximo ao Dolce Vita e Super Cor
Recomendo vivamente. Não se arrependerão.
http://restaurantedomduartedois.pt/pt

car disse...

Sou conimbricense e aconselho o Zé Manel dos Ossos, mais típico impossivel! http://www.lifecooler.com/artigo/fazer/restaurante-ze-manel-dos-ossos/332122/

Anónimo disse...

ola, boa tarde.
Aqui vão mais umas dicas sobre restaurantes em Coimbra. sem dúvida que gosto dos que já foram referidos.
De qualquer forma não queria deixar de acrescentar a Munich 2 na rua do Brasil com muito marisco e o D. Duarte 2 na rua de Moçambique ( boa comidinha caseira e baratinho).
Mas se preferirem comprar refeições prontas e comerem tranquilamente em casa aconselho a Churrasqueira do Calhabé, na rua do Brasil.Para mim têm o melhor frango assado de Coimbra e com doses muito generosas. o Arroz de pato é super gostoso e bem servido.

E para quem goste mesmo de ambiente típico então a sugestão é o Ze manel dos Ossos , bem na baixinha.

Beijinhos e bom apetite.

Anónimo disse...

Escolher um restaurante depende so da comida.Depende tambem da companhia para jantar e do ambiente que se pretende. nao sou fã de grandes espaços como o giusepe e Joaquim, que me fazem lembrar as cantinas, prefiro um espaço acolhedor e glamoroso.

O meu top 1 é a Taberna na rua dos Combatentes. Boa comidinha, saudavel e sem fritos ( esqueçam as batatas fritas !). Muitos acompanhamentos á escolha inspirados na cozinha tradicional Portuguesa. Um ambiente tranquilo, bom atendimento e pouco tempo de espera.Boa carta de vinhos para todas as bolsas.
Experimentem o polvo ou a posta mirandesa. e nao esqueçam o crepe da casa para a sobremesa.

Anónimo disse...

Com tanto restaurante bom e barato em Coimbra o Giusepe e Joaquim não é será escolha certa. É um restaurante da moda, onde a comida é boa mas os pratos são caros e o atendimento muito demorado. Ah e de restaurante tipioco portugues tem pouco... Um lugar para ver e se visto, não um lugar para comer.
Falta nessa lista, o D. Duarte 2 e A taberna!

Adoro o Blog!

Beijo

Andreia

szofi disse...

O ano passado fui conhecer Coimbra e a Quinta das Lagrimas e fui jantar a uma tasca girissima chamada Fangas Mercearia Bar que fica na parte alta da cidade. Tem pouquíssimas mesas, come-se tapas, e fiquei deliciada com a amabilidade dos funcionários e com a comida, que e muito boa! Recomendo!

Dona Cacau disse...

Olá Bel! Para mim,em Coimbra o melhor restaurante é o Zé Manel dos Ossos, fica por detrás do Hotel Astoria e é muito bom, o melhor mesmo! Recomendo vivamente ;)

Anónimo disse...

Hoje mais cedo, buscava na Internet dicas de onde comer bem e por um preço razoável em Coimbra, quando me veio à lembrança um lugar onde havia me deliciado com pataniscas, migas e arroz de feijão anos atrás, num período em que vivi na cidade. Tentei me lembrar o nome, mas não teve jeito.
Como o desejo de relembrar tal prazer gastronômico só aumentava, meu marido e eu fomos pessoalmente à Rua do Brasil o procurar. Sabíamos que era na Rua do Brasil, próximo ao início da Rua Combatentes da Grande Guerra, e lá estava ele, justamente na esquina: Restaurante Brasília. Um restaurante de aparência externa bastante simples, mas cuja comida é boa, satisfaz e nos dá vontade de voltar, como ocorreu conosco.
Não é um restaurante "para ver e ser visto", como bem pontuou a Andreia, em comentário acima. É um restaurante para se conhecer a comida do dia-a-dia do português. Justamente por isto não encontramos as nossas pataniscas, porque, conforme nos foi informado, o prato costuma ser servido no almoço, que apresenta cardápio variável, sendo que o cardápio da janta é fixo. Porém, nos deliciamos com um saboroso "bacalhau à canoa" (travessa com posta de bacalhau, batatas, cebolas e ovo regados a azeite e levados ao forno).
Para completar mais esta boa lembrança que levaremos do Restaurante e um elemento não menos importante, a atenção e a simpatia do casal que o conduz.
É claro que já combinamos de voltar amanhã para almoçar as tais pataniscas.
Bem, como foi neste blog (Blog da Bel) que me detive a ler as sugestões deixadas pelos colegas navegantes antes de sairmos à caça do saudoso sabor, resolvi deixar aqui também um depoimento.
Nós, brasileiros que gostamos de uma boa comida caseira, sofremos um pouco em viagem por conta das "frustrações gastronômicas". Por isso é que venho, ainda saboreando a sensação de uma boa escolha, partilhar a nossa experiência no Brasília e recomendar uma visita.
Parabéns, Bel, pela iniciativa da postagem em tema que é de grande utilidade.
Boa sorte àqueles que estão conhecendo e se rendendo aos prazeres da gastronomia portuguesa.

Anónimo disse...

Errata: onde se lê "bacalhau à canoa", leia-se "bacalhau na canoa". rs

Blog da Bel disse...

Obrigada a todos! Vou a Portugal em Novembro e vou voltar a uns que já conhecia e esqueci e testar outros que nem conhecia! Mas continuem a sugerir! Estou a achar esse post super util! :)

Se der coloquem os pratos preferidos de voces em casa um dos restaurantes que sugerem!

Beijocas

Bel

Ana disse...

Se conseguir vale a pena experimentar um espaço novo de tapas e vinhos tipicamente portugueses que abriu á pouco tempo.
Fica na zona de Celas, na Av. Afonso Henriques. O espaço tem poucas mesas, por isso é melhor fazer reserva.
A comida é absolutamente deliciosa, e o espaço é encantador, isto para já não falar do serviço que é feito pelos próprios donos que são super simpáticos.
Os enchidos são uma delicia e têm umas trouxas de doce de abóbora com brie de chorar por mais... A especialidade da casa são as tibornas, que também é impossível não provar :)
Fica aqui o facebook deles:
https://www.facebook.com/LaBotigaCoimbra

Enviar um comentário